Bombinhas, o que você precisa saber



Localizada na Costa Esmeralda ( nome dado devido a cor d´água ), Bombinhas fica 80 km ao norte de Florianópolis. Com 39 praias, está localizada na única península do sul do Brasil. 

Pequena, virou cidade em 1992. Mas se engana quem pensa ser um lugar pacato. Ao menos na alta temporada, quando gaúchos e argentinos lotam as areias da praia e as ruas do lugar.

Infelizmente ( ou felizmente para os frequentadores ), ainda não se popularizou em todo o Brasil, que escolhem outros destinos para passar suas férias. 


Quando ir 

Como todos os destinos de praia no sul do Brasil, o verão e seus meses próximos são os ideais para conhecer a região. Fora desses meses, faz frio e muitas coisas ficam fechadas.

O mês de janeiro é o mais lotado, com muito trânsito. Se puder, evite!

Eu sempre digo que março é um dos melhores meses para conhecer o litoral sul do Brasil. Mais tranquilo, melhores preços e ainda calor. 


Como chegar

O ideal é vir de carro. De Florianópolis, você leva cerca de 1h30 sem trânsito. Apesar de só 70km da capital, depois que você sair da BR-101 há um longo caminho a percorrer, com quebra-molas, rotatórias e em finais de semana e temporada, uma fila de carros que faz a viagem demorar. 


Taxa Turismo

Essa taxa foi criada há alguns anos devido ao grande número de pessoas na cidade, principalmente quando as hospedagens já estão lotadas e as pessoas vão passar o dia, o que congestiona ainda mais as ruas, as praias e os restaurantes. Devemos lembrar que Bombinhas é uma cidade muito pequena, linda, e precisa controlar o número de visitantes para continuar sendo o paraíso que é!

A taxa entra de vigor dia 15 de novembro e vai até dia 15 de abril do ano seguinte. 

Não existe um pedágio propriamente, para não ocasionar ainda mais filas. Uma câmera monitora a estrada, registra sua placa e depois você será cobrado. O valor para carros é de 28 reais. A taxa é cobrada uma única vez, desde que você não saia do perímetro da cidade. Se sair e voltar em 24 horas, não pagará novamente. Se passar das 24 horas, uma nova cobrança é gerada. Mais info aqui.


Praias

Existem 39 praias, algumas totalmente sem ondas, algumas com boas ondas para o surfe e até praias próprias para o snorkel.

Farei um post a parte para explicar as praias, com mais detalhes aqui.


O que fazer

Além do óbvio, que é relaxar na areia, existem diversos passeios de barco que te levam a praias inacessíveis de carro. Lembrando que o lugar é preservado, cercado por morros verdes. Algumas praias só são acessíveis por longas trilhas ou de barco.

Passear no calçadão de Bombinhas, onde se localiza o centro. 

Não existe shoppings aqui, mas quem precisa de shopping em um lugar como essse?!!

Barzinho para happy? Tem alguns. Já os baladeiros de plantão terão que ir até Balneário Camboriú para curtir uma festa.

Umas das atrações imperdíveis são as trilhas e mirantes da região.


Mirante Eco 360º 

Ponto mais alto de Bombinhas e melhor lugar para tirar fotos, tem uma vista panorâmica.





Eu 💗 Bombinhas

Localizado no Mirante de Bombas, fica na entrada principal da cidade.




Onde Comer

Existem bons restaurantes em diversas praias. A maioria de frutos do mar, obviamente. E para quem não dispensa um hambúrguer, tem várias opções. Nós fomos no Alquimia, que além de hamburgueria, tem pizzaria, música ao vivo e é um lugar bacana. Para os pequenos, tem um play.


Onde ficar

Bombinhas é o agito. Bombas é a praia ao lado, bem próxima ao centro e com comércio também. 

Mariscal é o lugar preferido dos surfistas, mais sossegado, com algumas opções de comércio, supermercado, estrutura na praia mas sem ter onde passear. 

Quatro Ilhas tem um bom hotel e boas ondas para o surf.


Posts Relacionados


Onde ficar: Pousada Vila Boa Vida

Guia de Praias Bombinhas


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que você precisa saber antes de ir para o México

Kefalônia