Para onde viajar em tempos de dólar alto

Com o dólar nas alturas, muitas viagens acabam tendo que ser modificadas. Trocar hotéis melhores por opções mais simples,  15 dias por 10, um país caro por um mais barato. Todas essas adaptações são necessárias para cumprir a meta: viajar. 

Viajar pelo Brasil sempre é uma opção. Nosso país é gigante, e mesmo quem já
viajou muito pela terrinha sempre tem algo novo a conhecer. E nem venha me dizer que viajar pelo Brasil é caro. Aqui no blog já provamos que uma viagem pode ser extremamente econômica. Basta procurar. Já passamos um mês na Bahia gastando menos de R$ 2.000 reais por pessoas, com todos os hotéis, deslocamentos, refeições e passagens aéreas. Já passamos uma semana em Fernando de Noronha, um dos destinos mais caros do Brasil, de forma econômica. Leia aqui.

Quem viaja para o exterior, deve procurar países baratos. Nós escolhemos a Argentina, que não é um país extremamente barato, mas há um bom custo benefício, principalmente para quem trocar dinheiro no câmbio paralelo. Comprar dólar para levar é totalmente desnecessário, já que facilmente se troca os reais por lá. Além disso, comprar dólar no preço que está, para trocar por outra moeda é perder duas vezes nos câmbios. 

Para quem tem mais tempo de férias, o sudeste asiático é uma boa pedida. Como são países extremamente pobres, é possível encontrar hotéis por alguns poucos dólares, almoçar por U$ 3 e coisas do tipo. A passagem é cara, mesmo com uma promo, então quando se passa mais tempo,  dilui-se o valor pelos dias, e acaba saindo mais barato do que viajar pela América do Sul, por exemplo.

Seja para onde for, o importante e' viajar. Espero que a desvalorização do real passe rápido ( embora tenha cá minhas duvidas ). Nem que seja para a cidade do lado que você mora, viaje!!!

foto retirada do site ecommercegirl


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog