Chile: tudo que você precisa saber antes de ir

País pertencente a América do Sul, possui 4.300 km de comprimento e apenas 175 km de largura, conferindo um clima muito distinto de norte a sul, variando de aridez extrema à neve nas suas montanhas.






Quando ir


Qualquer época é boa para ir ao país. Cada estação oferece atrações completamente diferentes. 

No inverno, as temperaturas podem ser muito frias e as estações de esqui estarão abertas.

No verão, dependendo da região, pode ser bem quente, passando dos 30 graus. O clima fica perfeito para ir a praia. Mas não se engane, a água do mar é sempre fria.


Como chegar



Existem voos diretos do Brasil desde São Paulo e Rio de Janeiro até a capital, Santiago do Chile.


Transporte



É possível se locomover de ônibus, metrô, táxi e uber ( apesar desse último ser considerado ilegal no país, existem muitos ubers). Usamos o serviço e a única coisa é que o motorista pede para alguém sentar no banco da frente.

Transfer do/para aeroporto, usamos a Los Andes Transfer. A Nayla é um amor, foram super pontuais. Se comprar ida e volta, eles dão um presentinho 😉

Contato: +56 9 9622.4612


Visto



Brasileiros não precisam de visto, basta passaporte válido por 6 meses ou carteira de identidade válida ( até 5 anos após a expedição ).


Língua



Espanhol, mas alguns entendem o portunhol.


Moeda



A moeda oficial é o peso chileno. Eu sempre prefiro sacar da conta corrente para não precisar comprar dólar, por exemplo, ou mesmo trazer reais para trocar e acabar pagando uma cotação desfavorável.

Basta ter dinheiro na conta corrente, desbloquear seu cartão de débito ou cartão crédito\débito internacional e em qualquer caixa eletrônico com rede cirrus ou plus pode ser efetuado o saque. 

Aqui no Chile há uma taxa de 5 mil pesos por saque, então saque o que achar suficiente por um período maior, para não precisar sacar várias vezes e pagar várias taxas. Essa taxa é para o serviço de banco chileno, para saber se você pagará para seu banco, consulte o mesmo antes da viagem.


Fuso


O Chile está no fuso uma hora a menos que Brasília. Na capital, Santiago, eles tem horário de verão na maior parte do ano, o que facilita muito para nós, brasileiros, já que na maioria dos meses, temos o mesmo horário ( do final do nosso horário de verão até metade de maio e de agosto até o nosso horário de verão ). 


Posts Relacionados

Onde ficar em Santiago: Novapark Hotel
City Tour Santiago

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que você precisa saber antes de ir para o México

Kefalônia