Sydney, the city


Estavamos em Manly e fomos de ferry para Sydney. De longe já começamos a avistar a Harbour Bridge  e logo depois, o Opera House, meu sonho!!! Descemos do ferry e fomos direto para o Opera. Que espetáculo. É uma obra impressionante e muito fotogênica de qualquer ângulo em que se olhe.
Estação do Ferry em Manly
Quase lá...
Opera House...a felicidade da criança kkkk
um cafezinho para entrar no clima ozzy


aborígene ( ?!?! ) em Circular Quay


Caminhamos até a ponte e descobrimos que para subir lá no alto seria mais AU$ 100, totalmente fora do orçamento. Mas descobrimos uma opção mais barata: por AU$ 9,50 podíamos subir numa das torres, o que já nos rendeu uma vista espetacular e muitas fotos.
visão do alto da ponte




Após o almoço, seguimos para o Sydney Aquarium ( AU$ 25 com desconto pela carteira de alberguista ). Foi muito legal ver vários tipos de peixes, de cavalos-marinhos, pinguins tubarões, arraias...nos deixou com mais vontade ainda de ir para a Grande Barreira de Corais. Mas essa vai ter que ficar para a próxima.


ornitorrinco ( a foto do bicho em si ficou péssima - ele não parava quieto )


Procurando Nemo...eu achei!!!


Medo!!!



Saimos por Darlim Harbour, o bairro cult, que há alguns anos atrás foi repaginado e hoje está na moda. Conforme a tarde vai caindo, vai enchendo de pessoas. Caminhamos até o Royal Botanic Garden para olhar umas plantinhas. Sentamos na grama como os australianos fazem e ficamos admirando o parque.

Passamos pelo Opera House novamente. O caminho, que pela manha era vazio, agora estava atrolhado de mesas e pessoas vestidas chiqueterrimamente, como para uma festa. Mas era somente mais um happy hour. O pôr-do-sol tornou a visão do Opera ainda mais impressionante. 

Pegamos o ferry de volta a Manly. A ponte e o Opera se afastando de nós. O sol caindo no meio dos arranha-céus...uma das visões mais lindas que já tive. Felicidade plena.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que você precisa saber antes de ir para o México

Kefalônia